logo-editora-olhares2@2x
ricardo_cardim

Ricardo Cardim

Botânico e paisagista, é mestre em Botânica pela Universidade de São Paulo e diretor da Cardim Arquitetura Paisagística. Recebeu em 2021 o Prêmio Muriqui Pessoa Física, uma das principais premiações ambientais do país, cedido pela RBMA-UNESCO. Também recebeu a Medalha Anchieta e o Diploma de Gratidão da Cidade de São Paulo da Câmara Municipal pela descoberta de áreas de Cerrado sobreviventes na malha urbana. Foi colunista por 7 anos da Rádio Estadão e de 2013 a 2014 na Rede Globo. Curador nas exposições de longa duração do Museu da Casa Brasileira “A Casa e a Cidade” e “Remanescentes da Mata Atlântica & Acervo MCB”. Com o objetivo de resgatar as florestas nativas dentro da escala urbana, criou a técnica Floresta de Bolso®, que pode ser aplicada em áreas públicas e privadas com a participação da comunidade em mutirão e apoiada por empresas e poder público. Em 2018 publicou o livro "Remanescentes da Mata Atlântica: As Grandes Árvores da Floresta Original e Seus Vestígios" pela Editora Olhares, finalista no Prêmio Jabuti na categoria Ciência, e em 2022, o livro "Paisagismo Sustentável para o Brasil - Integrando natureza e humanidade no século XXI. Também é membro do Conselho Ambiental do Museu Brasileiro da Escultura e Ecologia, MuBE.