A reforma vai criar 50 apartamentos no antigo Hotel Paysandu, além de prever espaços coletivos e uma área de lazer no rooftop, sem descaracterizar a arquitetura

Fotos: Studio Vir / Reprodução/Casa.com.br.

Localizado no bairro do Flamengo, no Rio de Janeiro, o antigo Hotel Paysandu vai passar por um de retrofit, que trata-se de uma reforma e adaptação para um novo uso. Quem assina o projeto é a empresa Cité Arquitetura. O empreendimento vai transformar o hotel em um residencial com 50 apartamentos, além de prever espaços coletivos e uma área de lazer no rooftop. Apesar da mudança de uso, as características que definem o prédio serão destacadas, como o estilo Art Decó da fachada.

Fotos: Studio Vir / Reprodução/Casa.com.br.

O novo empreendimento da Piimo contará também com paisagismo do Escritório Burle Marx e a iluminação de Maneco Quinderé. “É sempre um grande desafio e uma honra trabalhar a memória e conectá-la de maneira inovadora com os tempos atuais, vislumbrando o futuro. Esse foi o grande motivador para o projeto do Paysandu 23, o antigo Hotel Paysandu. Imóvel tombado, torna-se substrato para mais um desafio que busca entrelaçar as linhas do passado e do futuro”, afirma o arquiteto Fernando Costa, sócio da Cité Arquitetura. 

Vale ressaltar a importância simbólica que o espaço vai assumir, pois permite o diálogo entre as épocas, revelando os interiores ao espaço externo em um lugar pensado para se olhar a cidade e para seu desenvolvimento. Dessa forma, a memória está presente em vários elementos do projeto, e com diversos significados, servindo de suporte para a inserção na contemporaneidade.

Conteúdo por . Leia a matéria completa.

Jürgen Mayer H. e Vermeil lançam a coleção FAMILIÄR

As peças são resultado da parceria entre a marca e o design alemão para a última edição do BOOMSPDESIGN

Marko Brajovic assina casa sustentável em floresta de Paraty

O projeto batizado de Casa Macaco é inspirado na verticalidade da floresta e na natureza ao redor

Casa NaToca apresenta ambientes de uma casa sustentável em edição virtual

A mostra, que tem como cenário e inspiração a Patagonia Chilena, começa no dia 16 de janeiro e vai até 11 de abril