Motivada pelo Black Lives Matter, a marca anunciou a nova gama e uma doação ao movimento que luta contra a desigualdade racial

Reprodução/Casa.com.br

Em meio aos protestos mundiais contra desigualdade racial, a Band-Aid anunciou uma nova gama de curativos para diferentes cores de pele, que abrange tons claros, médios e escuros. “Nos solidarizamos com nossos colegas pretos, colaboradores e comunidade na luta contra o racismo, a violência e a injustiça. Estamos comprometidos em tomar ações para criar mudanças tangíveis para a comunidade preta.”, diz a mensagem publicada em seu perfil no Instagram, no qual o anúncio foi realizado.

A novidade recebeu reações contraditórias do público, com comentários elogiosos e críticos por ser “muito pouco, muito tarde”. Além dos curativos, a marca do grupo Johnson & Johnson comunicou uma doação ao movimento Black Lives Matter (Vidas Negras Importam).

Matéria por . Leia a matéria completa.
Mulheres arquitetas - Expo Revestir

Do Pritzker a Expo Revestir, mulheres que estão mudando o cenário da arquitetura no Brasil e no mundo

Atuação profissional feminina é destaque no “Nobel” da arquitetura e em fórum internacional, em São Paulo

De Pantone a marcas de tinta, mostramos as cores definidas para brilhar em 2020

Veja cinco paletas sugeridas pela marca norte-americana com a tonalidade que pautará o início da próxima década e os demais tons definidos por Suvinil, Coral e Eucatex

O encontro que mudou o destino da bordadeira Noemia e de sua comunidade na África

As oficinas do designer têxtil carioca Renato Imbroisi em São Tomé e Príncipe abriram uma nova perspectiva para a população de Santa Catarina, no norte desse país